É já no próximo fim-de-semana (30/09 e 01/10) que se realiza o “XVI Torneio Dr. Joaquim Guerra – 2017”, em mais uma organização com a marca de excelência do Hóquei Clube de Turquel. A edição deste ano conta com equipas de grande valia, tal como é tradição em todas as pré-temporadas em Turquel, e A.D. Valongo, O.C. Barcelos SAD e S.C. Tomar/IPT juntam-se aos anfitriões alvinegros para “completarem” um cartaz de luxo.

 

Serão três jornadas em formato “todos contra todos”, divididas entre a manhã de sábado (30/09) e a tarde de domingo (01/10), num total de seis jogos com 20 minutos de tempo útil em cada parte (total de 40 minutos de jogo), em que os protagonistas certamente farão vibrar os adeptos nas bancadas. A parada de bons valores do hóquei nacional e até internacional é grande e variada e com toda a certeza que quem se deslocar ao Pavilhão Gimnodesportivo de Turquel, não sairá defraudado. De referir ainda a Formação de Componente Geral que se realizará em paralelo com o Torneio e que terá lugar nas instalações do pavilhão na manhã e início da tarde (entre as 9h e as 14h) de domingo (01/10) com o tema: “A Importância da Comunicação na Liderança do Treinador”, conduzida pelo conceituado formador em softskills e autor do livro “Como ser um Treinador de Excelência”, Alcino Rodrigues.

De modo a “abrir o apetite” para aquilo que poderá ver no fim-de-semana em Turquel, o hct.pt analisa para si cada uma das equipas participantes neste fantástico evento.

H.C. Turquel: “Continuidade deverá significar estabilidade e progressão“

Competições em 2017/2018: Campeonato Nacional da 1ª Divisão | Taça CERS | Taça de Portugal

A direção do Hóquei Clube de Turquel, apesar de uma temporada 2016/2017 intermitente, conseguiu manter o “grosso” do plantel e só teve necessidade de se reforçar em duas posições. Nove dos dez atletas que compunham o grupo na época transata mantiveram-se na aldeia do hóquei e só Alexandre Marques “Xanoca” (SC Tomar/IPT) saiu. Com a partida do atleta natural de Oliveira do Hospital para as margens do Nabão os dirigentes turquelenses garantiram o concurso do pivot de 33 anos, natural de Vila Franca de Xira, André Moreira (ex-Candelária SC), e a equipa parece ganhar mais músculo em posições interiores, assim como maior explosão e experiência. A outra mexida foi mesmo no comando técnico, pois João Simões saiu e o “titulado” Jorge Godinho entrou. Natural de Tomar, Godinho chega a Turquel com ambição e com créditos firmados em todos os anos de experiência acumulados nos mais variados escalões do Hóquei em Patins nacional. A equipa alvinegra defende o título conquistado no Torneio Dr. Joaquim Guerra em 2016.

A.D. Valongo: “Juventude, irreverência e velocidade são imagem de marca”

Competições em 2017/2018: Campeonato Nacional da 1ª Divisão | Taça de Portugal

Com algumas mexidas no plantel depois das saídas de Pedro Freitas (GR) e de Diogo Seixas (ambos para o Espinho), de João Guimarães (Juventude Viana) e de João Almeida (Barcelos), a jovem formação do Valongo manteve a aposta em jogadores jovens da sua “cantera” e adicionou experiência de 1ª divisão com as entradas de Daniel Oliveira “Poka” (Sporting) e do pivot Diogo Fernandes (Juventude Viana). O conjunto valonguense, que é muito bem orientado por Miguel Viterbo e seus pares, gosta de impor um ritmo alucinante em ataque organizado e de pressionar os seus adversários, evitando que estes joguem confortáveis no meio rinque que defendem. Uma equipa muito interessante de seguir e que trará muita qualidade à edição deste ano do Torneio Dr. Joaquim Guerra.

O.C. Barcelos SAD: “Saídas importantes não significam maior fragilidade”

Competições em 2017/2018: Supertaça Europeia [Final Four] | Campeonato Nacional da 1ª Divisão | Taça CERS | Taça de Portugal

A “debandada” foi grande, pois saídas de atletas como João Pereira “Ginho” [GR] (terminou a carreira), de Reinaldo “Rei” Ventura (CGC Viareggio, Itália), do capitão Luís Querido (Amatori Wasken Lodi, Itália), de Miguel Vieira “Vieirinha“ (SL Benfica) e de Álvaro Morais “Alvarinho” (regressou ao FC Porto) “deixam mossa” em qualquer estrutura que seja, não só pela qualidade de cada um deles, mas muito mais pela influência que todos tinham no grupo e no jogo jogado dos minhotos. O experiente treinador Paulo Pereira, campeão nacional pelo Valongo em 2014, terá de reinventar um cinco inicial para 2017/2018 e colmatou estas saídas com as contratações do jovem polivalente João Almeida (AD Valongo), do experiente espanhol proveniente da galiza, Juan Lopez (Cremona, Itália), ele que jogou entre outros clubes no conceituado e titulado Liceo da Corunha do início do milénio e ainda a contratação do luso-moçambicano Mário Rodrigues “Marinho” (Follonica, Itália), melhor marcador do campeonato italiano na temporada 2016/2017, incluindo fase regular e playoff, tendo anotado mais de seis dezenas de tentos. Os bi-campeões da Taça CERS têm como novo capitão o experiente guardião Ricardo Silva, ele que é um esteio entre os postes barcelenses, e apresentam-se em Turquel com um conjunto renovado nesta nova temporada, que será uma incógnita a não subestimar.

S.C. Tomar/IPT: “Investimento e sofisticação num plantel jovem e de muita qualidade”

Competições em 2017/2018: Supertaça de Portugal - António Livramento | Campeonato Nacional da 1ª Divisão | Taça CERS | Taça de Portugal

Com a entrada do presidente Ivo Santos e seus pares na direção, os leões de Tomar tornaram-se num clube mais moderno, mais investidor e com outro tipo de ambições. No final da época 2015/2016 subiram à primeira divisão e traçaram metas bem definidas para os próximos anos, que passam por solidificar o clube e a sua equipa sénior no principal escalão do hóquei nacional, assentes numa base sólida de jogadores da casa, mesclados com alguns jovens portugueses irreverentes e de muito valor. O apuramento para a Taça CERS, ocupando a vaga deixada em aberto pelo Valongo (não participa na competição por opção), tem significado grande para um clube com história na competição. O rosto da “revolução nabantina” é Nuno “Manel” Domingues, o treinador natural da Marinha Grande é um histórico do clube e este ano recebeu uma “injeção” de qualidade no seu plantel com as entradas de Diogo Alves [GR] (CD Paço de Arcos), de João Sardo (emprestado pelo SL Benfica) e do ex-HCT Alexandre Marques “Xanoca”. Estas entradas vêm colmatar as saídas de Nuno Peça [GR], de Tiago Godinho (filho do treinador turquelense, Jorge Godinho) e de David Costa, com os três a rumarem ao SC Marinhense (2ª divisão – Zona Sul). O projeto é interessante e o grupo tem qualidade para poder fazer ainda melhor que na temporada transata, sendo que o Torneio Dr. Joaquim Guerra será um bom teste para os nabantinos aferirem as suas capacidades, frente a equipas do “seu campeonato”.

Confira o calendário do “XVI Torneio Dr. Joaquim Guerra – 2017”:

Sábado, 30 de setembro de 2017:

1ª Jornada

10:30H: H.C. Turquel vs S.C. Tomar/IPT

12:00H: O.C. Barcelos SAD vs A.D. Valongo   

2ª Jornada

20:00H: S.C. Tomar/IPT vs O.C. Barcelos SAD

21:30H: H.C. Turquel vs A.D. Valongo

Domingo, 1 de Outubro de 2017:

3ª Jornada

15:00H: A.D. Valongo vs S.C. Tomar/IPT

16:30H: H.C. Turquel vs O.C. Barcelos SAD

A partir de sábado (30/09) e até domingo (01/10) tem uma excelente oportunidade para se deslocar ao Pavilhão Gimnodesportivo de Turquel para poder acompanhar Hóquei em Patins da mais alta qualidade.

Nota final para o preço dos ingressos, sendo que na primeira jornada, no sábado de manhã, a entrada será livre e nas jornadas dois (sábado à noite) e três (domingo à tarde), o preço dos bilhetes varia entre os 2€ para sócios e os 3€ para não sócios. Estes preços incluem os dois jogos que se realizam em cada jornada.

Créditos Fotos: Catarina Maria; Hélder Matias; Instagram pessoal Mário Rodrigues; Rui Pedro.